segunda-feira, agosto 13, 2007

Gratuito???


Acho um piadão quando dizem que o ensino em Portugal é gratuito! Tem mesmo muita graça! Já nem vou falar do ensino dito obrigatório! Que apesar de estar muito mal servidinho, a única coisa que temos de pagar são os livros! Mas a faculdade meus amigos!!!! É o maior antro de chulisse que já vi ao cimo da terra!

Com o ritmo que isto está a levar, qualquer dia só vemos a estudar nas universidades pessoal engravatado e a conduzir Mercedes descapotáveis…

Por vezes dou por mim a pensar nas minhas maravilhosas praxes, em que nos obrigavam a nós caloirinhos inocentes a ir em trajes menores para a porta de uma faculdade privada gritar a plenos pulmões:

- Ó papá paga-me o curso que eu sou burro que nem um urso!

Pá nestes momentos eu era feliz!
Mas isto os tempos são outros! Hoje em dia acho que a cantoria tinha que ser alterada! Para qualquer coisa do género:

- Tenho de ir trabalhar para pagar o curso, mas ao menos não sou burro que nem um urso!

6 comentários:

Nanny disse...

eheheh

A mim o papá pagou-me o curso... e eu nem era burra que nem uma ursa... o c'urso é que não existia na pública!

Mas trabalhei o tempo todo e não me caiu nenhum parente na lama... e agora estou a pensar fazer uma continuação... e vai-me sair do pêlo... sim que gatinha não tem cabedal, só pelinhos... :D

Se a pagar já há malta que anda 10 anos para fazer cursos de 5, imagina se fosse de borla...!!!

Crestfallen disse...

O mais incrível é que muitos dos meninos que andam de BMW, recebem subsídios. Eu por exemplo, só com um dos meus pais a sustentar-me, não tive direito a qualquer tipo de subsídio.

Porquê? Porque o meu é honesto (o que em Portugal é sinónimo de estupido) e declarava o que recebia. Enquanto os filhos de certos empresários, iam de BMW para a universidade, tinham propinas pagas pelo Estado, e ainda sobrava dinheiro para os copos, pois os pais declaravam o ordenado mínimo!

E não me venham com merdas entre pública e privada, que eu estive na publica e aquele ensino gratuito era bem caro.

Malta que anda 10 anos para fazer o curso, devia ser corrida ao fim de 6 no máximo. Pois um idiota assim só pode ir parar à política!

Skynet disse...

Posso estar enganado, podem existir excepções, nem todas as universidades privadas devem ser como a "Independente" (espero eu). Mas o facto de ser o aluno a pagar os ordenados aos professores, não me cheira nada bem. Pois se estes o chumbarem, o aluno pode sempre ameaçar mudar de universidade, e isso não seria nada bom para eles. Não concordas?

Eu ando numa universidade pública, e tenho direito a bolsa, que dá apenas para pagar as propinas mas é melhor do que nada ("apenas" como quem diz, porque estas aumentaram mais de 100 euros em apenas um ano). Mas eu vejo que há gajos que vivem melhor do que eu, têm carro, e depois para além de não pagarem as propinas ainda recebem mais algum, e isto deixa-me lixado!

E também ainda não descobri para que servem as propinas, já que o laboratório do meu curso não tem dinheiro nem sequer para comprar um tubo de ensaio, em vez disso, usamos frascos de iogurte e de sumos compal, e os reagentes para as aulas têm de ser os próprios professores a comprá-los com o dinheiro das bolsas para estudos científicos deles.

Silvia F. disse...

Haverá actualmente algo gratuito em Portugal??? Hmmm... talvez os panfletos publicitários que os carteiros nos enfiem pela caixa de correio.
O ensino deveria ser gratuito, os livros comparticipados (quando na livraria, no início apresentaram a conta dos meus livros para a faculdade pensei que queriam me vender a livraria toda!!), afinal o futuro dos recém-licenciados é claro como água: desemprego!

Andreia disse...

não há nada de gratuito no ensino em Portugal, começas a pagar desde o infantário até à data da tua licenciatura ou mestrado...

eu tou lixada, vou apelar a uma bolsa, tou pa ver se não ma dão,é sinónimo de adeus ensino superior...

peace_love disse...

gratuito? deixa-me rir..

Related Posts with Thumbnails